Polícia do Pará prende Benedito Viana acusado de matar a sogra

Seg, 29 de Dezembro de 2014 09:16 José Maria Silva
Imprimir

20141229 7A Polícia Civil de Monte Dourado (PA) informou que o procurado da justiça amapaense Benedito Viana da Silva, 32, foi preso nesta terça-feira, 23, naquele distrito paraense.

De acordo com a polícia local, ele estaria escondido em um sítio quando foi preso e constato que havia mandado de prisão em desfavor de Viana acusado de atear fogo na sogra dele Ana Castro Brandão, 73, no dia 27 de novembro e que faleceu nesta quinta-feira, 18, no Hospital de Emergências em Macapá.

BeneditoViana será transferido ainda nesta terça-feira, para o município de Vitória do Jari onde cometeu o crime e em seguida para a penitenciaria em Macapá.

Entenda o caso: No dia 27 de novembro foi registrado ocorrência na Delegacia de Vitória do Jari acusando Benedito Viana de ter jogado gasolina no corpo de Ana Castro sogra dele durante uma discussão em família.

Após o episódio ele fugiu e o delegado Leandro Moisés com base em depoimento de testemunhas e provas pediu a prisão do mesmo e a partir de então passou ser procurado.

Devido a gravidade das queimaduras a vítima foi transferida para o Hospital de emergências em Macapá e ficou internada várias dias no Centro de Tratamento de Queimados (CTQ), e faleceu 21 dias após.

O delegado ressalta que com o falecimento da vítima o acusado vai responder por homicídio consumado.