Início Delegacia Geral Departamento de Polícia do Interior


TORNEIO DE TIRO SOLIDÁRIO PC/AP 2017

E-mail Imprimir PDF

REGULAMENTO

01 - DA FINALIDADE

Angariar recurso financeiro para complementar o custeio de procedimentos médicos necessários ao restabelecimento da saúde do Agente de Polícia Pedro Paulo Alexandria Livramento e da Agente Administrativo Maria da Anunciação Pereira de Barros.

02 - DA REALIZAÇÃO:

A organização, coordenação e execução deste evento será feito pelo Setor de Armas da Polícia Civil do Amapá em atendimento a Determinação da Delegacia Geral.

03 - DO LOCAL:

Academia Integrada de Formação e Aperfeiçoamento – AIFA, localizada na Rodovia Duca Serra, s/nº, Bairro Marabaixo, Macapá – AP (em frente ao condomínio Novo Mundo).

04 - DATA DA COMPETIÇÃO:

Dia 13 de dezembro de 2017.

05 - DO HORÁRIO:

Início às 08:30h

Término até o último inscrito atirar.

06 - DAS CATEGORIAS:

Delegado de Polícia Masculino;

Delegado de Polícia Feminino;

Agente de Polícia Masculino;

Agente de Polícia Feminino;

Escrivão de Polícia Masculino e

Escrivão de Polícia Feminino.

07 - DAS PREMIAÇÕES:

Serão premiados os 1º, 2º e 3º colocados de cada categoria:

08 - DA MODALIDADE:

Tiro de Precisão com pistola calibre .40sw a 10 (dez) metros de distância.

09 - DA ARMA DE FOGO A SER UTILIZADA:

Serão permitidas pistolas de qualquer modelo e fabricante, desde que em calibre .40sw e com aparelho de pontaria original de fábrica e sem qualquer modificação que proporcione vantagem ao competidor.

10 – DA INSCRIÇÃO:

O valor da inscrição é de R$20,00 (vinte reais) e poderá ser feito no Setor de Armas até o dia 12 de dezembro de 2017 no horário de 08:00h às 13:00h ou no dia e local do evento (13/12/2017) até as 09:00h impreterivelmente.

11 - DAS DISTÂNCIAS DOS ALVOS:

Os alvos ficaram dispostosa uma distancia de 10 (dez) metros do competidor.

12 - DOS ALVO PARA A COMPETIÇÃO:

Os alvos a serem utilizados nesta competição serão do tipo fogo central com pontuações que variam de 1 a 10 pontos;

13 - DA DINÂMICA DA PROVA:

A linha de tiro será composta de no máximo dez competidores de uma só vez, onde todos terão o tempo máximo de 50’ (cinquenta) segundos após o comando do árbitro da prova para efetuar 05 (cinco) tiros no alvo de fogo central a dez metros de distancia;

Os tiros serão feitos na posição em pé, salvo para aqueles que tenham limitações físicas para tanto, o que será analisado e flexibilizado pelos árbitros da prova;

No início da prova as armas deverão estar sobre a bancada, abertas e sem o carregador e todos os procedimentos seguintes só serão executados em conformidade com os comandos do árbitro da prova.

A ordem de chamada para os competidores se deslocarem para a linha de tiro, será a ordem de inscrição conforme a categoria;

 

14 - DOS COMANDOS DA PROVA:

“Atenção atiradores!”;

“Municiar o carregador com cinco cartuchos”;

“Alimentar e carregar o armamento”;

“Desarmar o cão e coldrear a arma”;

“Colocar óculos e protetor auricular”;

“Atiradores prontos? Prontos e a espera!”

- Um (1) silvo de apito curto (comando que INICIA o tempo e os disparos);

- Um (1) silvo de apito longo (comando que ENCERRA o tempo ou os disparos).

 

15 - DAS PENALIDADE DA PROVA:

1-    Será desclassificado da competição:

O competidor que contrariar as regras básicas de segurança referente ao uso da arma de fogo e atentar contra a integridade física dos demais;

O competidor que faltar com respeito aos árbitros e aos demais participantes;

O competidor que efetuar procedimentos não comandados pelo árbitro;

- Serão descontados 10 pontos:

Para cada tiro efetuado após o apito referente ao término da prova;

16 - DOS EQUIPAMENTO OBRIGATÓRIOS:

 Óculos de segurança, de grau ou de sol se preferir;

Protetor auricular;

Colete balístico e

Coldre para a pistola.

Para aqueles que não possuírem arma própria ou arma cautelada, a organização do evento providenciará o armamento a ser utilizado.

A munição a ser utilizada por cada atirador será fornecida pela organização do evento no dia da competição;

17 - DOS CRITÉRIO DE PONTUAÇÃO:

Será contabilizado onde o círculodo impacto do projétil atingir a pontuação no alvo(variando de 01 a 10 pontos e “X”);

Caso o círculo do impacto do projétil atinja a linha, contabilizar-se-á a maior pontuação entre as duas linhas atingidas;

18 - DOS CRITÉRIO DE DESEMPATE:

Será utilizado o maior número de acertos nas pontuações X, 10, 9, 8,permanecendo o empate, os competidores efetuarão novos disparos.

19 - DAS DISPOSIÇÕES GERAIS:

Não será permitido na área da competição o ingresso de pessoas que estejam visivelmente em estado de embriaguez ou sob o efeito de drogas ou medicamentos que provoquem alteração do desempenho intelectual ou motor.

O competidor que possuir arma própria ou sob cautela, durante sua permanência na área da competição, deverá manter sua arma no coldre, aberta, sem munição e sem o carregador ou acondicionada em maleta própria e em hipótese alguma deverá ficar manuseando a mesma, salvo se com a autorização do árbitro da prova.

20 - DOS CASOS OMISSOS:

Os casos não previstos especialmente neste Regulamento serão resolvidos em comum acordo entre os árbitros da prova.

Macapá-AP, 24 de novembro de 2017.

 

Notícias em destaques

Na última quarta-feira (13), policiais civis participaram de um torneio de tiro no stand da Academia Integrada de Formação. Foram 71 competidores, entre agentes, oficiais e delegados, na disputa para saber quais têm maior habilidade no tiro de precisão com pistola .40.

Os competidores foram divididos conforme função e gênero.

Leia mais...

Enquete

Qual o curso que você, policial, entende ser nescessário para aprimoramento profissional?