Início Delegacia Geral ASCOM

Policia Civil prende foragido da justiça condenado por roubo

E-mail Imprimir PDF

201701062Mayron foi condenado pelo crime de roubo e estava foragido da Justiça há quase 3 anos e foi preso em via publica em Macapá.

Agentes do Núcleo de Operações em Inteligência (NOI) da Polícia Civil do Amapá prenderam no início da tarde desta quarta-feira, 4, Mayron Sousa de Souza, 23 anos. Mayron foi condenado pelo crime de roubo e estava foragido da Justiça há quase 3 anos e foi preso em via publica no bairro Jardim Felicidade II, zona norte de Macapá.

De acordo com o delegado Alan Moutinho, do NOI, Mayron Souza estava foragido da Justiça desde 2014 e foi condenado pelo crime de roubo em 2012. Mayron e mais 5 pessoas teriam praticado um assalto e feito reféns em uma churrascaria localizada no bairro Pacoval, em Macapá, na madrugada do dia 21 de julho de 2012. Eles adentraram no estabelecimento, abordaram as vítimas e levam dinheiro, jóias e pertences pessoais. À época todos foram presos.   

“No momento da prisão, Mayron estava conduzindo uma bicicleta em via pública no bairro Jardim II, ele estava com a prisão preventiva decretada pela justiça desde 2014 e era considerado foragido. Ele descumpriu determinação judicial. Sabemos que ele estava na cidade de Manaus e teria chego recentemente em Macapá. Foi capturado e agora será reconduzido ao IAPEN e colocado à disposição da justiça”, explicou Moutinho

À época do Crime, Mayron Sousa de Souza e os cincos envolvidos no roubo foram presos e partes dos objetos levados recuperados pela polícia. Mayro foi condenado e estava respondendo processo em liberdade, porém teria deixado de cumprir obrigações estabelecidas pela justiça do Amapá.

 

Notícias em destaques

No dia 05 de outubro de 2017, o Delegado de Polícia JOSÉ RODRIGUES DE LIMA NETO, após instrução do feito, com a colheita de elementos informativos suficientes, representou pela prisão preventiva do infrator RAI DOS SANTOS MACIEL, como forma de garantir a ordem pública, acusado de ser o autor do delito de HOMICÍDIO QUALIFICADO, praticado mediante golpe de faca, por motivo fútil e de maneira a impossibilitar qualquer reação de defesa, em face da vítima ABERLADO FARIAS SOARES. Fato ocorrido no dia 22/09/2017, no município de Tartarugalzinho/AP.

Leia mais...

Enquete

Qual o curso que você, policial, entende ser nescessário para aprimoramento profissional?