Início Delegacia Geral ASCOM

Civil incinera mais de 200 quilos de drogas

E-mail Imprimir PDF

A Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE) incinerou nesta sexta-feira, 2, mais de 200 quilos de drogas, em uma olaria localizada no bairro Universidade, Zona Sul de Macapá. As substancias foram apreendidas em operações da Polícia Civil. 

A incineração foi acompanhada pelo delegado Sidney Leite, titular da DTE, que montou um esquema de segurança para garantir o transporte da droga. O material incinerado incluiu maconha, cocaína e crack. Para ser incinerado, o entorpecente precisou passar por perícia e ter autorização da Justiça e do Ministério Público do Amapá (MP).

“A incineração de hoje é resultado das apreensões realizadas ao longo deste ano, após um trabalho de investigação feito pelo setor de inteligência da Polícia Civil. Infelizmente, Macapá vem sofrendo com o tráfico de drogas, e por conta disso, vamos intensificar nossas ações em grandes operações e apreensões”, adiantou Sidney Leite.

Essa foi a primeira incineração realizada pela Polícia Civil neste ano. Em março de 2015, foram destruídos mais de 300 quilos de drogas. A última apreensão ocorreu na quinta-feira,1°, quando cinco quilos de maconha foram retirados de circulação. A droga estava sendo transportada por uma menor e um homem de 31 anos, no bairro Jardim Felicidade I, Zona Norte da cidade.

 

Notícias em destaques

No dia 05 de outubro de 2017, o Delegado de Polícia JOSÉ RODRIGUES DE LIMA NETO, após instrução do feito, com a colheita de elementos informativos suficientes, representou pela prisão preventiva do infrator RAI DOS SANTOS MACIEL, como forma de garantir a ordem pública, acusado de ser o autor do delito de HOMICÍDIO QUALIFICADO, praticado mediante golpe de faca, por motivo fútil e de maneira a impossibilitar qualquer reação de defesa, em face da vítima ABERLADO FARIAS SOARES. Fato ocorrido no dia 22/09/2017, no município de Tartarugalzinho/AP.

Leia mais...

Enquete

Qual o curso que você, policial, entende ser nescessário para aprimoramento profissional?