Início Delegacia Geral ASCOM

Polícia Civil incentiva projeto social para crianças carentes de Macapá

E-mail Imprimir PDF

201612304O projeto funciona no Ciosp do bairro Congós e visa, através do Judô, ajudar crianças e adolescentes em risco social

 Aulas de Judô no ciosp do Congós. Mais de 60 crianças participam

Uma confraternização realizada na quinta-feira, 22, marcou o fim das atividades em 2016 do projeto social “Esporte e Segurança e a Descoberta de Talentos”, lançado este ano através de uma parceria entre o Sindicato dos Policiais Civis do Estado do Amapá (Sinpol), Delegacia Geral de Polícia Civil do Amapá (DGPC) e a Federação Amapaense de Judô (FAJ). O projeto atende crianças e adolescentes em vulnerabilidade social com idade entre 6 e 17 anos. As atividades acontecem no CIOSP do bairro Congós, Zona Sul de Macapá.

201612305O projeto é uma iniciativa do presidente da Federação Amapaense de Judô, Antônio Viana, que também é policial civil e praticante de judô. O trabalho visa melhorar a vida de crianças e adolescentes em risco social por meio da prática do Judô, usado como instrumento de formação de cidadãos.

Segundo Antônio Viana, a iniciativa é voltada para meninos e meninas da comunidade do bairro Congós e oferece oportunidade de acesso ao esporte como alternativa para a inclusão social. O treinador explica que o projeto conta com cerca de 60 crianças e adolescentes oriundos de escolas públicas da comunidade. Os treinos ocorrem duas vezes por semana no CIOSP do Congós.

“É uma atividade com lições de disciplina, controle, respeito à família e ao próximo. Nosso trabalho está no resgate social de crianças e adolescentes em situações de risco social, dando oportunidades a essas crianças de terem acesso a uma modalidade esportiva em um ambiente adequado”, destacou Viana.

A delegada geral de Polícia Civil, Maria de Lourdes Sousa, parceira do projeto, participou do último treino de 2016. Ela parabenizou a iniciativa do professor Viana e reconheceu a importância de se desenvolver atividades preventivas nas comunidades, dando oportunidades às crianças carentes de todos os bairros.

 

Notícias em destaques

No dia 26 de julho do corrente ano, o Departamento de Policia do Interior prendeu em flagrante delito no município de Tartarugalzinho três indivíduos pela prática do crime de furto de gado. Por ocasião da prisão foram apreendidas 48 (quarenta e oito) reses de bubalinos que foram furtadas de fazendas da região.

O Delegado Sandro Torrinha que preside as investigações autuou ainda os infratores pelo crime de associação criminosa, vez que conseguiu provas nos autos de Inquérito que os indivíduos estavam consorciados para prática reiterada de furtos de búfalos na região, inclusive a associação criminosa era chefiada pelo pai dos demais membros.

Leia mais...

Enquete

Qual o curso que você, policial, entende ser nescessário para aprimoramento profissional?