Início Delegacia Geral ASCOM

Polícia Civil e GTA localizam corpo de comerciante na região do Bailique

E-mail Imprimir PDF

20161025 4A Polícia Civil com apoio do Grupo Tático Aéreo (GTA) encontrou o corpo do comerciante Antônio Carlos Santana, de 68 anos, desaparecido desde o último dia 8, na região do arquipélago do Bailique, distante a 150 quilômetros de Macapá. Um menor de 16 anos, foi apreendido, suspeito de ter praticado o crime.

20161025 3Segundo o delegado, José Neto, do Departamento de Polícia do Interior (DPI), o adolescente confessou que matou o comerciante e que teria abandonado o corpo em uma área de mata. O suspeito teria matado para roubar a vítima, dinheiro, o motor da embarcação e outros pertences. A pedido da Polícia Civil, a Justiça liberou o menor para indicar o local onde estaria o corpo. 

“O corpo do comerciante foi encontrado em uma área de mata, distante a 40 quilômetros da Vila Progresso, no Distrito do Bailique. O local foi indicado pelo garoto considerado pela polícia como principal suspeito do crime, o cadáver estava com uma corda enrolada no pescoço. Inicialmente, o menor disse que teria tido auxílio de outra pessoa no assassinato, mas as provas e os elementos colhidos até o momento apontam que ele agiu sozinho”, explicou o delegado José Neto 

De acordo com as investigações, o menor de idade foi contratado por Antonio para auxiliar no transporte de mercadoria entre Macapá e Bailique. Durante o depoimento, o menor disse que queria ficar com o dinheiro e o motor da embarcação da vítima, avaliado em R$ 9 mil.

O menor está no Centro Socioeducativo de Internação Masculina (Cesein). Com a confissão e a localização do corpo, o inquérito será concluído e enviado ao Ministério Público.

 

Notícias em destaques

O Departamento de Policia do Interior, por intermédio da Delegacia de Porto Grande, sob o comando do Delegado Julio Cesar, deu cumprimento no final da tarde de ontem a Mandado de Busca e Apreensão Domiciliar. Por ocasião das diligencias, foram presas duas pessoas por estarem na posse de 50 (cinqüenta) porções de maconha, 04 (quatro) porções grandes de crack, 02 (duas) balanças de precisão que eram usadas na pesagem da droga, além de 01 (uma) arma de fogo, tipo garrucha e 04 (quatro) munições.

Leia mais...

Enquete

Qual o curso que você, policial, entende ser nescessário para aprimoramento profissional?